Quando alguém deseja fazer uma dieta, está a limitar o que come ou bebe com o objetivo de se tornar mais saudável ou de perder peso. As práticas alimentares saudáveis podem melhorar a saúde geral de quem faz dieta, para além de prevenir complicações como a diabetes e as doenças cardiovasculares.

Dieta

No entanto, quando este processo de dieta não é feito corretamente, a pessoa pode ser vítima de uma série de efeitos negativos da dieta, incluindo um sistema imunitário enfraquecido. Este impacto negativo da dieta pode interferir com a capacidade do organismo para lidar com as mudanças provocadas pela dieta e adaptar novos comportamentos. Para compreender alguns dos efeitos negativos da dieta, é necessário compreender alguns dos factores que se encontram no interior do organismo e que fazem a diferença no fracasso ou no sucesso da dieta.

As calorias são necessárias para fornecer energia e ajudar na manutenção das funções corporais correctas. Se consumir muitas calorias durante uma dieta, não só aumentará o seu teor de gordura corporal, como também verá uma diferença na balança. O consumo insuficiente de calorias faz com que o seu corpo se esforce para compensar esse défice. Os hidratos de carbono são uma importante fonte de energia para o corpo humano.

Prevenção

Para evitar os efeitos negativos da dieta, é necessário escolher hidratos de carbono que estão facilmente disponíveis nos cereais integrais, no milho e no arroz. Os efeitos negativos da dieta acontecem quando a pessoa que está a fazer dieta não tem fibra suficiente no seu sistema. A fibra encontra-se em produtos de cereais, nozes, para além de numerosos feijões como o pinto e o rim. A fibra solúvel tem um impacto favorável na saúde de quem está a fazer dieta, uma vez que pode reduzir os níveis de colesterol. A fibra insolúvel combate a obstipação e as hemorróidas.

Se uma pessoa que está a fazer dieta não ingerir alimentos suficientes que contenham proteínas, então vai sentir alguns efeitos negativos da dieta. Sugere-se que 10% a 20% das calorias consumidas diariamente devem conter proteínas. As proteínas são utilizadas para produzir glóbulos vermelhos, para além de regularem as hormonas e as enzimas. As proteínas encontram-se no leite, na carne, nos ovos e no queijo. Quem está a fazer dieta não consegue evitar estes alimentos.

Sabia que...

Quando alguém começa uma dieta, um dos principais objectivos que tenta alcançar é eliminar peso para melhorar ou aperfeiçoar a sua aparência física. Um dos efeitos negativos da dieta ocorre quando a pessoa que faz dieta exagera e o seu esforço para perder peso torna-se drasticamente perigoso e pouco saudável. Isto pode resultar em condições que ameaçam a vida, como a bulimia nervosa, a anorexia e a compulsão alimentar.

A bulimia é um impacto negativo das dietas, uma vez que a pessoa que faz dieta recorre a ciclos recorrentes de compulsão alimentar e purga, o que não é bom para o corpo. As pessoas que sofrem de bulimia ressonam frequentemente, abusam de laxantes e diuréticos para conseguirem uma aparência específica. Muitas bulímicas sofrem frequentemente de depressão. A anorexia é quando uma pessoa que faz dieta luta contra o medo intenso de se tornar obesa. Entre os efeitos negativos da dieta desta forma está o facto de estes indivíduos tentarem manter um peso corporal emaciado. Isto pode resultar numa infinidade de problemas que atacam o corpo devido a este tipo de dieta.